Torrontés, de Mendoza Colheita 2010

Diz Gabriel Garcia Marquez que acendeu a alarme da velhice quando os amigos não se atreviam a advertir-lhe que estava contando o mesmo conto, que tinha contado a semana anterior.

Isso porque tenho insistido na apreciação de uma casta que tem dois ou três clones principais e que dão seus frutos nos estados de Mendoza, San Juan e na Rioja/Salta.

Trata-se da uva Torrontés. Elogiada pelo destacado crítico de vinhos do NYT (veja o texto aqui) Eric Asimov.

Aromática, lembra rosas, jasmin, pêssego branco, acidez vibrante e prolongado e sedoso final. Acompanha pratos elaborados com frutos do mar ou massas com molhos suaves. O Las Perdices, é trazido pela Bodegas Selecionadores de Vinhos. (011) 9540-2730 Preço sob consulta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s