Sexta, à tarde

Foto: Gentileza Diego Rousseaux

Sexta- feira, dia 23. Num restaurante da Vila Madalena. Perto do Fórum. Perguntei ao garçon se eles cobram taxa de rolha. (Eles tem uma carta de vinhos restrita) Pensou dois segundos. Achei que a pergunta o surpreendeu, um pouco. Cobramos, respondeu.

Quanto? inquiri.

Bom, isso depende do vinho…é mole?

Anúncios

4 Respostas para “Sexta, à tarde

  1. Caro Rubén, essa prática não é tão incomum, apesar de muito estranha. Tem restaurante que cobra um valor para vinhos nacionais e outro para importados. E há os que cobram um valor para vinhos da carta e outro para vinhos que não estão na carta – apesar de me parecer absurdo alguém levar um vinho que está na carta do restaurante.

    Parece que a ficha desse pessoal ainda não caiu. Eu, por exemplo, tenho ido apenas a restaurantes com boas cartas (e preços justos) ou que me deixem levar o meu vinho (isentando a taxa de rolha ou cobrando até 30 reais). Restaurantes com cartas medíocres e que me proíbam de levar o vinho, com valor impeditivo da taxa de rolha, dificilmente contarão com a minha presença, pois não consigo mais fazer uma refeição “gastronômica” bebendo cerveja ou refrigerante…

    • Prezado Paulo, obrigado pelo seu comentário.

      É muito estranha.

      Nã teria que ser um valor “x” e só? Gente, é para pagar o serviço do Sommelier, se é que tem, ou do garçon, treinado, e a taça ( ou taças) que utiliza.

      Eu também não levaria um vinho que esteja na carta. Se levar sem saber, bebo o da carta.

      Vamos tentar mudar isso.

      Abraço,

      Rubén

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s